O que é o Abril Azul: mês de conscientização do autismo

Você sabe o que é o Abril Azul e qual sua importância?

No post de hoje, você vai saber um pouco mais sobre o mês da conscientização do autismo. Além disso, vai entender melhor o que é o Transtorno do Espectro do Autismo, e como ele está presente na sociedade.

Então, siga com a gente para saber mais sobre o Abril Azul, mês da conscientização do autismo!

O que é o Abril Azul

Abril Azul: mês de conscientização do autismo

No dia 2 de abril é comemorado o Dia Mundial de Conscientização do Autismo. A data foi escolhida pela Organização das Nações Unidas (ONU), e tem a intenção de dar visibilidade ao tema.

Além do dia mundial, a campanha se estendeu pelo mês todo, sendo abril todo um mês dedicado à conscientização sobre o autismo.

O Abril Azul recebe esse nome porque a cor azul é símbolo do autismo. Essa cor foi escolhida porque os meninos são 4 vezes mais diagnosticados que as meninas.

Saiba mais sobre o autismo

O Transtorno do Espectro do Autismo (TEA), ou autismo, é um transtorno que afeta o sistema nervoso e geralmente é percebido logo na infância. O TEA não tem cura, apenas tratamento, que deve ser feito durante toda a vida.

As principais características do autismo são:

  • prejuízo na comunicação e interação social — a pessoa pode demorar a desenvolver a fala, pode não manter contato visual ou manter contato visual direto, ter dificuldade de socializar, etc;
  • padrões repetitivos de comportamento — como dificuldade de mudanças na rotina, seletividade alimentar, gostos restritos, etc.

Apesar de algumas características mais comuns, o autismo varia de indivíduo para indivíduo. Por exemplo, alguns autistas podem ter dificuldades em estar em lugares com muito barulho, outros apresentam altas capacidades cognitivas, se destacando como grandes intelectuais.

Assim, é importante ficar atento à criança a fim de fazer um diagnóstico cedo. Quando o tratamento é iniciado cedo, a pessoa consegue viver com tranquilidade e qualidade.

Importância do Abril Azul

Estima-se que 1 a cada 54 pessoas são autistas, mas mesmo assim, as pessoas que estão no espectro ainda sofrem muito preconceito por suas características. Além disso, muitos pais não conhecem o transtorno e demoram a diagnosticar seus filhos.

Assim, o Abril Azul aparece como uma campanha de extrema importância, pois dá visibilidade ao TEA.

Com essa visibilidade e conscientização sobre o assunto, mais pessoas passam a conhecer os aspectos do transtorno. Assim, entendem que o autismo não é uma doença, e que as pessoas autistas também devem ocupar todos os espaços.

Conhecendo o transtorno, os pais também podem se sentir mais tranquilos para lidar com o diagnóstico de seus filhos, entendendo que esse não é um transtorno que exclui a criança de ter uma vida normal. Além disso, é uma maneira de encontrar apoio, e entender que o autismo é muito presente na sociedade.

No post de hoje, falamos sobre o Abril Azul, mês de conscientização do autismo. Para continuar conhecendo mais sobre o TEA, leia nosso post com recomendações de filmes e séries sobre autismo!

Compartilhar este post

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário